Homem é condenado a 34 anos de prisão por estuprar e matar criança em MG

Homem é condenado a 34 anos de prisão por estuprar e matar criança em MG

Crime ocorreu em 2015 em Leopoldina; vitima tinha quatro anos. Decisão cabe recurso, mas homem permanecerá preso. Homem foi condenado nesta quarta (16) por estuprar e matar menina de 4 anos em Leopoldina em 2015
Júlio César Cabral/O Vigilante Online
José Carlos da Silva Balbino, de 35 anos, foi condenado a 34 anos em regime fechado pelo estupro e morte de uma menina de 4 anos em 2015, em Leopoldina. A sessão presidida pela juíza Flávia Vasconcellos e terminou às 18h45 desta quarta-feira (16) no Salão do Tribunal do Júri, no Fórum da cidade.
O corpo da criança foi encontrado na manhã do dia 26 de setembro de 2015. Após dias de buscas, o homem foi preso no dia 29 de setembro caminhando em direção a Cataguases.
O Conselho de Sentença condenou o réu à pena de 22 anos de prisão pelo crime de homicídio e também de 12 anos pelo crime de estupro de vulnerável.
De acordo com informações do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) cabe recurso, mas o réu permanecerá preso.
Segundo a assessoria, o defensor público André Nery, responsável pela defesa do réu, informou que assim que receber a sentença, analisará a possibilidade de recorrer. O caso está sob segredo de justiça, o que impede detalhamentos.
A Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap) informou que o condenado já está no Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, para onde foi encaminhado desde a prisão em 2015.
Homem foi julgado nesta quarta (16) por estupro e morte de menina de 4 anos em Leopoldina
Júlio César Cabral/O Vigilante Online
Crime causou comoção na cidade
Segundo as apurações da Polícia Civil, que foram a base da denúncia apresentada à Justiça pelo Ministério Público (MP), no dia 25 de setembro de 2016, a mãe deixou as filhas com a avó e foi participar de Ler a notícia completa

Via:: Minas Gerais

Close Menu